segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Homem faz pentagrama com estilete nas costas do filho

Homem faz pentagrama com estilete nas costas do filho Homem faz pentagrama com estilete nas costas do filho
Um morador do Texas de 39 anos disse às autoridades que marcou seu filho de 6 anos de idade com um pentagrama nas costas “porque é um dia santo”, em referência à data de 12-12-12.
A polícia prendeu Brent Troy Bartel, na cidade de Fort Worth, após uma ligação do próprio criminoso. Ele está na cadeia local e o juiz estipulou a fiança em meio milhão de dólares.  A acusação é de agressão grave a um membro da família com uma arma mortal.
Policiais que atenderam o número de emergência para o qual Brent ligou pouco depois da meia-noite ouviram o homem confessar: “Eu derramei um pouco de sangue inocente”.
Quando questionado pelo atendente sobre o que ocorrera, o homem respondeu: “Eu fiz um pentagrama no meu filho.” Ao ser perguntou pelo motivo disso, a resposta foi: “porque hoje é um dia santo”. Logo em seguida ele desligou o telefone.
Momentos depois, a polícia recebeu um telefonema da mãe do menino, que estava na casa de um vizinho. Chorando, ela pediu ajuda: “Ele está tentando machucar meu filho” e “Por favor, se apresse! Oh, Deus!”, são frases ouvidas na gravação divulgada pela polícia.
Ao chegar na casa, a polícia encontrou o menino  tremendo de frio, com um grande pentagrama desenhado em suas costas. Os policiais também encontraram um estilete, que acreditam ser a arma do crime.
O menino foi levado para um hospital de Fort Worth. Seus ferimentos foram profundos, mas  ”não fatais”, disse um porta voz da polícia.
O pentagrama é uma estrela de cinco pontas, geralmente associada ao satanismo. A data de  12-12-12 não era feriado, apenas foi considerada significativa por certas pessoas por causa da repetição incomum dos números.
A mãe de Brent, Lori Ponce, disse ao jornal Fort Worth Star-Telegram que não sabe o que acontecer com seu filho. “Brent não é um demônio… Ele ama esse menino”, disse ela. “Alguma coisa aconteceu. Não me digam que é um louco, pois ele não é.” Ela afirma que Brent não tem histórico de problemas mentais.
O padrasto disse ao jornal que o acusado ultimamente estava “imerso no Antigo Testamento” e pode ter interpretado errado alguma menção ao ato de colocar sangue no batente da porta, como o que a polícia encontrou no apartamento.  ”Se você conhece o Velho Testamento, sabe das marcas da comemoração feitas com um cordeiro sacrificado, mas certamente não com uma criança”, disse John Ponce. Traduzido de Charisma News.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...